.

18 de jan de 2012

História do Snowboard

Muita gente acredita que o snowboard é um esporte relativamente novo, criado nas últimas décadas. Porém, os primeiros vestígios do esporte remontam a 1920!

Já nesta época era comum pessoas que habitavam em lugares com montanhas nevadas descerem suas encostas em um espécie de prancha. Há relatos de pessoas que usavam pedaços de velhos barris para deslizar na neve. Alguns até usavam correias de cavalos para amarrar os pés nas pranchas adaptadas.

Porém o snowboard ganhou seus ares modernos em meados dos anos 1960, quando o engenheiro norte-americano Sherman Poppen inventou um novo brinquedo para sua filha deslizar na neve juntando dois esquis velhos e formando, assim, uma prancha.

A brincadeira começou a ser chamada de “snurfer”, numa junção das palavras “snow” e “surf”. Logo a brincadeira virou mania na vizinhança, e Poppen construiu várias pranchas para as crianças brincarem na neve. Isso chamou a atenção da empresa Brunswick, que comprou os direitos do engenheiro e passou a comercializar o produto. A primeira competição de snurfer foi realizada em Michigan (EUA) em 1968, e consistia em apenas uma descida em linha reta.

Em 1969, o surfista e esquiador Dimitrije Milovich deu novo impulso ao esporte. O atleta gostava de unir suas duas habilidades e surfar na neve utilizando bandejas de cozinha. Até que Milovich se juntou ao fabricante de pranchas de surf, Wayne Stovekin, e a dupla criou uma prancha especial para a neve. O esporte foi batizado de “winterstick” (algo como “bastão de inverno”, em uma tradução livre). No mesmo período, outro norte-americano, Bob Webber, patenteava a sua prancha adaptada pra a neve, chamada de “skiboard”.

Difusão

Mas foi só em 1977 que o esporte começou a realmente chamar a atenção da indústria esportiva. Neste ano, o skatista norte-americano Tom Sims construiu uma prancha de snowboard em um projeto escolar. Sims sonhava em criar um skate (sem rodas, é claro) para a neve. Com essa idéia em mente, o atleta, junto com seu amigo Chuck Barfoot, começou a fabricar pranchas para a neve na garagem de sua casa. Barfoot também trabalhava com Bob Webber, e ajudou a desenvolver as pranchas de snowboard como são conhecidas hoje.

No mesmo ano, Jake Burton Carpenter, que quando era criança foi um dos primeiros praticantes de snurfer, também começou a desenvolver pranchas para a neve na garagem de sua casa. Hoje, Carpenter é dono da Burton Boards, uma das mais conhecidas fabricantes de pranchas de snowboard.

As pranchas especiais para a neve começaram a fazer sucesso e logo as empresas de garagem se tornaram grandes companhias e o esporte passou a ser chamado então de snowboard. Nos anos 1980, o esporte ganhou mais força quando começou a aparecer em propagandas e em filmes (como os clássicos de James Bond).

O número de adeptos do snowboard aumentou e em 1982 foi organizado o primeiro Campeonato Nacional de Snowboard, em Vermont (EUA). A disputa reuniu competidores de pranchas snurfer, Burton e Sims, tendo sido a única vez que os três rivais se reuniram em uma competição. No ano seguinte, Burton e Sims decidiram criar suas próprias competições, usando suas próprias pranchas, e Poppen parou a fabricação das pranchas snurfer.

Em 1989 foi criada Associação Internacional de Snowboard, que se tornou a Federação Internacional de Snowboard (FIS) no ano seguinte. Oito anos depois, o snowboard finalmente atingiu seu ápice, quando passou a ser considerado um esporte olímpico. Em Nagano, no Japão, o snowboard teve sua primeira competição olímpica.

No Brasil, o snowboard está presente desde os anos 1980. O esporte é regulado pela Confederação Brasileira de Desportos na Neve (CBDN), reconhecida pela Federação Internacional de Esqui (FIS) e pelo Comitê Olímpico Internacional (COI). O Brasil participou de todos os Campeonatos Mundiais de Snowboard até hoje, e passou a ter seu próprio campeonato nacional em 1995. Desde então a competição é realizada anualmente, sempre em julho, em localidades do Chile ou da Argentina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário! Deixe seu contato que eu responderei assim que puder! Deus te abençoe!